"Life feels like a midnight ride..." - SOAD

5 de fevereiro de 2015

Opinião - "A Mecânica do Coração", de Mathias Malzieu

A Mecânica do Coração
de Mathias Malzieu
Edição: 2010
Páginas: 143
Editor: Contraponto
ISBN: 9789896660734
Categoria: Ficção, Romance


Sinopse:

"Primeiro, não toques nos ponteiros. Segundo, domina a tua cólera. Terceiro, nunca, mas nunca te apaixones, porque senão no relógio do teu coração, o grande ponteiro das horas trespassar-te-á a pele, os teus ossos implodirão e o mecanismo avariar-se-á de novo".

Edimburgo, 1874. Jack nasce no dia mais frio do mundo, com o coração... congelado. A Drª Madeleine, a parteira (segundo alguns, uma bruxa) que o trouxe ao mundo, consegue salvar-lhe a vida instalando um mecanismo - um relógio de madeira - no seu peito, para ajudar o coração a funcionar. A prótese resulta e Jack sobrevive, mas com uma contrapartida: terá sempre de se proteger das sobrecargas emocionais. Nada de raiva e sobretudo nada de amor. A Drª Madeleine, que o adopta e vela pelo seu mecanismo, avisa: «o amor é perigoso para o teu coraçãozinho.» Mas não há mecânica capaz de fazer frente à vida e, um dia, uma pequena cantora de rua arrebata o coração - o mecânico e o verdadeiro - de Jack. Disposto a tudo para a conquistar, Jack parte numa peregrinação sentimental até à Andaluzia, a terra natal da sua amada, onde encontrará as delícias do amor... e a sua crueldade. Um conto de fadas para adultos, ao estilo de Tim Burton ou Lewis Carroll.


Um pequeno livro com uma história riquíssima! Quase um conto de fadas que nos leva a pensar em situações reais e de como as encaramos. 

As coisas que evitamos de forma a não sofrer e as coisas que fazemos sem pensar por seguir o coração. O coração humano, esse "instrumento" vital, batendo no peito como um relógio compassado e que nos leva a fazer as maiores loucuras, e, no fim, será que valeu a pena?

São estes alguns dos pensamentos que surgem na nossa mente à medida que avançamos na história comovente de Jack, o rapaz com o coração mecânico.

Foram poucas as minhas palavras para descrever este livro pois apenas me surge uma: lindíssimo!

0 comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo teu comentário! :)

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Seguidores

Também no Blogloving

Follow

Quem por cá passou

Este blogue não segue nem apoia o acordo ortográfico!
Todas as imagens e textos não feitos exclusivamente para este blogue, não me pertencem. Com tecnologia do Blogger.

Copyright © Gritos Mudos Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com