"Life feels like a midnight ride..." - SOAD

7 de fevereiro de 2015

Opinião - "O Manuscrito de Deus", de Juan Ramón Biedma

O Manuscrito de Deus
de Juan Ramón Biedma
Edição: 2007
Páginas: 268
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722337335
Colecção: Grandes Narrativas # 353
Categoria: Ficção, Thriller


Sinopse:

A acção está ambientada numa Sevilha do Novo Século, sobre a qual chove incessantemente. É uma cidade violenta e selvagem, com um toque surrealista, quase apocalíptica, povoada por personagens extravagantes. Aí chega um dia Álvaro, um sacerdote proveniente do Vaticano, cuja missão é recolher cinco malas repartidas pelos respectivos guardiães e que, no seu conjunto, encerram o misterioso Manuscrito de Deus. A sua busca bem depressa desencadeia uma série de crimes sangrentos perpetrados por uma aliança herdeira da Santa Inquisição. Biedma, num estilo original e ritmo implacável, agarra o leitor sem lhe dar tréguas graças à inteligência com que elabora o enredo através de um caos aparente. Um surpreendente primeiro romance, directamente inspirado na literatura negra, em ambientes neogóticos, que teve sucessivas reedições desde que foi publicado em 2005, mereceu uma Menção Especial na Semana Negra de Grijón, em 2004, e foi finalista de um importante prémio da literatura de língua castelhana.


Não é um livro "leve" de ler como aparenta ao início. À medida que avançamos vamo-nos deparando cada vez mais com caos, imagens negras, personagens grotescas e situações que nos enojam e confundem. 
O clímax de toda a acção não deixa de ser interessante mas sente-se uma falha em certas partes do enredo, especialmente em relação às personagens e à própria história por detrás do manuscrito. Percebo a linha de pensamento do autor, o querer manter o mistério ao longo da sua história, o deixar que seja o leitor a "desenhar" mentalmente as personagens, as suas histórias, mas acho que foi um pouco longe de mais. 
Mesmo em relação ao próprio manuscrito, desencadeador de todos os acontecimentos, não percebemos a sua real importância e o porquê de tanta euforia em volta deste; o mundo, como o conhecemos, irá acabar se juntarem todas as partes? Contém informação que pode provocar convulsões sociais? A Humanidade deixará de fazer sentido? Podemos lá encontrar o manual de instruções da máquina de lavar? Pois, podem imaginar o cenário que preferirem!

Não me convenceu...

0 comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo teu comentário! :)

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Seguidores

Também no Blogloving

Follow

Quem por cá passou

Este blogue não segue nem apoia o acordo ortográfico!
Todas as imagens e textos não feitos exclusivamente para este blogue, não me pertencem. Com tecnologia do Blogger.

Copyright © Gritos Mudos Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com